segunda-feira, 19 de março de 2012

...

As vezes, só as vezes. Quando nada sopra. Quando tudo que está ao seu redor pode não existir. E aos seus olhos tudo devagarinho ocupar o lugar do vento. Assuste-se porque por frações de segundo o amor vai sumir, e vai achar que ele realmente pode não existir. Ai, bem insistentemente essa ideia irá perfurar seus pensamentos. Mais fique tranquilo quando alguém quebrar o oco de um coração você irá sentir, porque talvez ele ainda exista !

 -há esperança, até breve alguém. Não se apresse, devagar o sorriso é mais sutil ^^' 


Nenhum comentário:

Postar um comentário